Os fatos falam por si mesmos?

Atualizado: 11 de mar.

Sergio Spritzer © janeiro.2022

_”Os números falam por si mesmos”; e só observarmos os números e o traçado do gráfico, diz um grupo de pessoas frente a um complexo de telas de computador que mostra um monte de gráficos de diferentes cores e linhas. Um deles, pergunta, distraidamente: dizem o que, mesmo?

_Ora, eles mostram como é o padrão disso que está acontecendo.

_ Eles imaginam tal padrão e falam para a gente?

_(Risos) Claro que não; você acha que a gente é imbecil? Números não pensam, não imaginam, não sentem e nem falam.

_ A gente imaginar que números falam e imaginam é importante para captar o sentido da combinatória deles. Mas no fundo, por trás deles, existem pessoas pensando e imaginando. _E se tiverem oportunidade, falando, por que não? Nós todos concordamos a respeito. Importa desvendar quem está conversando por trás dos números.

Provavelmente são grupos de gente com seus sonhos, expectativas, planos, projetos e comportamentos. "

©© Copyright Neurocom Sérgio Spritzer